03 setembro 2013

Conhecendo a blogueira-Cada artista tem um pouco de loucura...

Será que sou bipolar?

Fonte: Zerochan.net
Olá pessoal, como estão? Espero que bem!! ^^

Sei que o blog anda parado, mas, é que eu realmente estou sem ideias sobre post.
Sim, pela primeira vez eu estou sem ideias de tutoriais, contudo esse caso já foi resolvido.
Como recebo inúmeras propostas de tutoriais irei faze-los. ;)
Mas, como o título desse post já diz, vamos ao assunto de hoje que é bem sério.

O post de hoje é bem diferente ele é sobre a bipolaridade e depressão que vem assombrando o mundo dos desenhistas (ao todo!) e quero contar um pouco do meu caso.

Acho que muitos (ou poucos?) perceberam-ou talvez não!- através de alguns posts minha mudança de humor.
Por isso vim falar sobre bipolaridade.

Bel, o que é bipolaridade?- leitora perguntando~

Bipolaridade nada mais é que distúrbios de humor ou em outras palavras oscilação do humor. Hora você está alegre, na outra bem triste e na outra sem emoção alguma simplesmente melancólico/a (acho que essa é a palavra certa, né?).Imagina você em uma montanha russa subindo e descendo de tempo em tempo. Pois bem assim é o humor de quem sofre com isso.
Não é só o humor que é afetado, os pensamentos também, a sua criatividade,  relacionamentos tanto familiares quanto pessoal, afeta também o lado sentimental do individuo.E grande (ou média?) parte dos desenhistas/ilustradores também sofrem com isso.

Não sei como isso começou, realmente não faço a miníma ideia, mas se tem algo que eu sei é que isso afeta de meses em meses, ou semanas em semanas.
Uma hora eu estou alegre de bem com vida sinto que posso conseguir fazer muita coisa até mesmo cozinhar, (que no meu caso, NÃO!) fico muito pensativa sobre o céu, as estrelas de que quero ser um passarinho e poder voar (wtf?). Sim, eu já pensei nisso...
De que posso fazer muita coisa, e que reclamo de mais da minha vida pessoal e que preciso seguir adiante sem olhar a quem.
Outras vezes eu fico digamos que "depressiva" (não gosto dessa palavra!) com muita raiva de nada, sim! É uma raiva que sei lá, é complicado de explicar parece que vou "explodir" com aquilo e tenho que descontar em algo ou simplesmente me esforçar MUITO para aquilo passar e eu não descontar nos meus pais, que muita das vezes acabam sendo vitimas... E do nada a raiva passa, imagine que você está jogando algum liquido de uma garrafa fora, pois bem é exatamente assim que essa tal "raiva" passa.
Outras vezes quando vejo alguns de meus ilustradores favoritos ou qualquer outro artista do D.A eu penso que NUNCA chegarei a supera-lo e que devo para de desenhar, é pura babaquice continuar com isso.
E nas outras vezes como agora-enquanto escrevo esse post- simplesmente estou sem nenhuma emoção, indisposta, sabe quando você simplesmente diz pra tudo: Tanto faz? É assim que eu me sinto.

Agora, com certeza você deve está se perguntando do porquê desse post.
Eu vou explicar. 
Nada mais é que eu quero desabafar um pouco e é claro mostrar que muitos que devem acompanhar o blog, sofrem disso e que sentem a mesma coisa que eu.
E isso afeta MUITO a criatividade e é extremamente horrível lidar com isso, porque uma hora você acha que não simplesmente você se sente "normal" e nada disso acontece (sim, muitas das vezes isso não acontece e depois do nada volta...) e outra você tem que lidar consigo mesmo essa enxurrada de sentimentos, e humor tudo misturado e as vezes alguns com uma dose exagerada demais.
Eu não disse e nem tenho coragem de dizer isso aos meus pais, estou tentando de algum modo ter coragem pra isso, mas o meu medo é que isso passe e depois eu diga que não precisa, ou minha mãe dizer que é "besteira" que é normal as mães dizerem isso em certos assuntos. 
A dúvida minha é: será que sou bipolar??
Por isso que assim como eu que estou passando por isso há alguns anos e resolvi postar isso aqui no blog, eu tenho certeza que algumas pessoas que leem o conteúdo do mesmo passam por isso ou tem algum amigo/familiar que também passa.
Eu recomendo a todos que sofrem com isso, com essa dúvida, que procurem seus pais e que conversem com eles ou se você tem mais afinidade com sua mãe ou pai converse com ela/e e fale sobre o que sente (mesmo sendo difícil!) e que quer procurar um médico para saber e tratar isso o quanto antes.

Bom, para o relacionamento social é bem difícil, no meu caso eu tenho digamos que receio em me aproximar de certas pessoas. Sim, é como se meu cérebro seleciona-se com quem eu devo me aproximar um pouco e com quem eu não devo de modo algum me aproximar. (parece louco mas, é!)
Até alguns rascunhos meus digamos que tem alguns sinais disso. Venho mudando constantemente o tema dos meus desenhos.
Enfim, para saber mais sobre isso e de como tratar, recomendo esse site: Euvolverde o link vai diretamente para a matéria.

Agora, já que tocamos no assunto de transtornos que agridem tanto emocionalmente como socialmente, quero falar também de algo que também é muito sério que alguns dos  desenhistas, fanzinistas profissionais sofrem ou já sofreram com isso: Depressão.
É o que mais atinge o mundo todo.
E no mundo dos desenhos isso também tem atingindo bastante.

O que é depressão?

Depressão é um distúrbio afetivo.Nada mais é que tristeza muito grande que se estende em semanas, meses,  e até mesmo anos, fora o complexo de inferioridade que gerada através dela, a baixar autoestima e entre outros fatores. E em muitos casos podem levar até ao suicídio.

E para ajudar nesse post contei com a ajuda do meu amigo Rael Mochizuki ele é ilustrador, e criador do Ameto (leia aqui!) ele foi muito gentil em contar um pouco do que passou e de como superou esse problema chamado depressão!
Confira:

"Tem tempo, sempre fui meio tímido, e a família sempre pegava no pé por eu ficar só desenhando e tal, e com o tempo essas coisas se agravam, e mais pessoas se aproveitam disso pra pisar, e após anos me amargurando, e a cada problema entrando em depressões e extremas faltas de humor, eu resolvi dar um basta, uma amiga me passou um livro de auto ajuda, para usar a lei da atração para o nosso bem, e nunca mais parei, desde o início do ano, comecei a focar e pensar em coisas positivas, comecei a meditar sempre, e tudo foi clareando, hoje sou um artista feliz, minhas coisas vão bem, e eu gosto de mim, que é o principal. "
Assim como o Rael que conseguiu superar essa crise, nós podemos conseguir.
Eu espero que eu e você que lê esse post consiga vencer essa barreira.

Aqui vai apenas algumas dicas:

-Deus: Sim, Ele. Precisamos vê-lo como amigo, apesar dele saber nossas necessidades, ele quer ouvir de nós, da nossa boca o que está acontecendo conosco. "Senhor meu Deus, clamei a ti, e tu me saraste. Salmos 30:2"
-Converse com os seus pais/ parente com mais afinidade sobre o que está acontecendo com você.
-Procure um médico em outras palavras um psicólogo é ele que irá diagnostica-lo e saberá como tratar.
-Medite -Sim, meditar ajudar e muito, o Rael conseguiu superar isso meditando. (Métodos tradicionais também ajudam a vencer essa barreira!)
"Bom eu curei isso com meditações, e livros de auto ajuda..."-disse Rael.
-Ouça músicas relaxantes: Quando eu digo "músicas relaxantes" não são aquelas músicas agitadas e sim aquelas mais calminhas.


Assim como essas:







-Leia livros de auto ajuda: No caso do Rael ajudou bastante, e também pode ajudar você.

Ignorem o título do livro, peguei esse gif porque achei fofinho!! hihi~
Espero que tenham gostado do post e que tenham lido até aqui, desde já obrigada pela atenção de todos!!
キッス ビェビェ!!ヽ(愛´∀`愛)ノ
Comentários
4 Comentários

4 comentários:

  1. Oiii Beell!!!Td bem com vc?
    Gostaria de saber: a loja virtual Fruto de Arte é confiável e entrega certinho??Você já comprou nela??
    Em relação ao post,digo por experiencia propria:Vá á uma psicóloga,porque além de te ajudar,fazer sessões com ela é uma delícia.Você sai da sala como se tivesse tirado um peso das costas.Faço e amo!!!
    Bjos e tudo de bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá querida, tudo bem??
      Respondendo sua pergunta: Sim, a loja virtual é confiável já comprei três lá, recomendo muito.
      Dependendo da sua localidade pode demorar um pouquinho sim, vem tudo certinho e muito bem embalado (acredite, SUPER EMBALADO!), estou juntando money para comprar pela quarta vez!! XD
      Eu pensei nisso em ir a uma psicóloga mas, preciso falar com os meus pais primeiro ainda não tive coragem para falar sobre isso. @-@
      Mas, enfim, muito obrigada pela visita, espero ter tirado suas dúvidas!! ;)

      Beijinhos!! º 3 º)~

      Excluir
  2. Poxa Bell, fica triste não.. Vo confessar uma coisa: eu nao li o post todo porque fiquei com preguiça kkk. Mas olha, tudo passa, vai ficar tudo bem tá? E eu acho q vc nao é bipolar, so esta passando por alguma coisa dificil. O que vc pode ta passando é stress, eu tbm estou com raiva sabe? Tipo eu to de boa, mas algumas coisas simples e idiotas me irritam muito e eu acabo explodindo de raiva e magoando alguem, principalmente meus pais :c . Você tem que achar o que esta te deixando com raiva. No meu caso foi pq eu estava apaixonada (wtf, como isso deixa alguem com raiva?), pois me deixou e tbm eu estava com problemas em casa. Mas se digo uma coisa é q vai ficar tudo bem, contigo e comigo. Sim, eu tbm estou um pouco mal, mas nuncapassou na minha cabeça q sou bipolar, estava mal por causa do garoto, aconteceu umas coisas muito tensas kkk e agora eu nao gosto mais dele e pra confessar, ahora q nao gosto mais dele( acho q nao gosto mais nao, mas se eu gosto, e muito pouco. É pq as vezes eu penso e me arrependo de alguma coisa) estou bem melhor!

    ResponderExcluir

Leia antes de comentar, okay?
Seu comentário sempre será bem vindo!
But, há algumas regrinhas a serem seguidas:
- ATENÇÃO: Sempre, mas, SEMPRE os comentários serão moderados antes de serem postados. É bom esclarecer, que, a pessoa que escreveu o comentário não pense que o envio falhou e que com isso não perca tempo escrevendo um outro igual!
-Respeitar SEMPRE a opinião alheia;
-É proibido palavras de baixo escalão;
-É proibido propagandas *~mendigação de likes~*
Desde já obrigada pela visita e sempre que possível responderei os comentários!